terça-feira, 27 de junho de 2017

Segunda-feira, 9 de agosto de 1943

       




Querida Kitty


Continuando a descrever com detalhes o que acontece no Anexo Secreto, vou passar para a refeição da noite:
O sr. Van Daan , para começar. É o primeiro a ser servido e tira bastante de tudo, se é algo de que gosta. Geralmente fala ao mesmo tempo e dá sempre sua opinião a respeito de tudo, como se fosse a única digna de ser aceita. Sua palavra é irrevogável. Se alguém se atreve a duvidar, ele se enfurece imediatamente. Prefiro não discutir com ele — quem experimentou uma vez não tenta a segunda. Sua opinião é a certa, e é ele quem sabe mais a respeito de tudo. Pois bem, convenhamos que é inteligente, mas é um cavalheiro que vive, em alto grau, satisfeito consigo mesmo.
Madame. Sinceramente, eu deveria ficar calada. Há dias, especialmente se ela está para ficar de mau humor, que não se pode nem olhar para a cara dela. Observando bem, ela é a culpada de todas as discussões. Bem que poderia ser chamada de "atiçadeira". Atiçadeira de brigas, veja que função engraçada: a sra. Frank contra Anne; Margot contra papai já não pega bem.
Na mesa, a sra. Van Daan não se contenta com pouco, embora, às vezes, pense exatamente o contrário. As melhores batatas, o pedaço mais macio, o melhor de tudo; escolher bem é o seu sistema. Os outros receberão sua parte, desde que ela fique com o melhor. E como fala! Para ela tanto faz se os outros estão interessados ou não em sua conversa, se ouvem ou não o que ela diz. Acho que ela pensa: "Todos adoram o que a sra. Van Daan diz". Sorrisos brejeiros, comportando-se como se soubesse de tudo, sempre aconselhando, animando, até parece mesmo que é uma boa pessoa. Mas se nos aprofundarmos um pouco mais, veremos que o bem logo desaparece.
Mas há coisas que preciso dizer dela: primeira, é trabalhadeira; segunda, alegre; terceira, coquete — e ocasionalmente, bonita. Essa é Petronella van Daan.
O terceiro companheiro de mesa. Quase não se nota a sua presença. O jovem sr. Van
Daan é quieto e procura não chamar a atenção. Quanto ao apetite, é o próprio tonel das Danaides, que nunca se enche, e depois de uma lauta refeição declara, na maior tranqüilidade, que era capaz de comer o dobro.
Número quatro, Margot. Come feito um ratinho e pouco fala. A única coisa que aceita bem são verduras e frutas. "Mimada", segundo o julgamento dos Van Daan; "falta de ar livre e exercícios", julgamos nós.
Ao lado dela, mamãe. Bom apetite. Faladeira. Não dá a mesma impressão da sra. Van Daan, de ser a dona-de-casa. Qual a diferença? Bem, a sra. Van Daan cozinha, enquanto mamãe lava e arruma.
Números seis e sete. Não vou falar muito de papai e de mim. Ele é o mais desligado dos que estão à mesa. Primeiro olha, para ver se todos estão servidos. Não exige nada, pois os melhores bocados são para as crianças. Pode ser apontado como exemplo, e, ao lado dele, está o feixe de nervos do Anexo Secreto.
Dr. Dussel. Serve-se, não levanta os olhos, come e não fala. E se é obrigado a falar, que seja sobre comida. Enormes porções desapareceram por sua boca, e nunca se ouve a palavra "não". Nunca, se a comida é boa e, muito raramente, quando é ruim. As calças chegam-lhe ao peito, o casaco é vermelho, os chinelos, pretos e os óculos, de aro de tartaruga. É assim que ele pode ser visto, sentado à pequena mesa, sempre trabalhando, parando apenas para a sesta, a comida e seu lugar favorito: o banheiro. Três, quatro ou cinco vezes por dia, há sempre alguém impaciente diante da porta, torcendo-se, pulando de um pé para o outro, quase sem poder se agüentar. Pensa que ele se apressa? Por nada deste mundo. Das sete e quinze às sete e meia, do meio-dia e meia à uma hora, das duas às duas e quinze, das quatro às quatro e quinze, das seis às seis e quinze e das onze e meia até a meia-noite, que ninguém se habilite ao banheiro. São as horas sagradas de "sentar". Ele não sai e nem se importa com os pedidos de urgência, avisando de um desastre iminente!
Número nove. Não é membro efetivo do Anexo Secreto, mas companheira de casa e mesa. Elli é um bom garfo. Não deixa nada no prato e não escolhe comida. É fácil de agradar, e é por isso que nos agrada. Alegre, bem-humorada, sempre disposta, estas são as suas características.

Sua Anne.








Recomendamos para você:


Escapate Conmigo - Wisin feat. Ozuna

Escapate Conmigo - Tradução em Português

Escapate Conmigo - English Translation

Escapate Conmigo - Versión en español

2U - David Guetta feat. Justin Bieber

2U - Tradução em Português

2U - La traducción en español

2U - English Version

Do I Make You Wanna - Billy Currington

Do I Make You Wanna - Tradução em Português

Do I Make You Wanna - La traducción en español

Do I Make You Wanna - Enghish Version

Despacito Remix - Luis Fonsi Feat. Justin Bieber, Daddy Yankee

Despacito Remix - Tradução em Português

Despacito Remix - La traducción en español

Despacito Remix - English Version

Escapate Conmigo - Wisin feat. Ozuna

Escapate Conmigo - Tradução em Português

Escapate Conmigo - English Translation

ESCAPATE CONMIGO – WISIN FEAT. OZUNA

ESCAPATE CONMIGO – TRADUÇÃO EM PORTUGUÊS

ESCAPATE CONMIGO – ENGLISH TRANSLATION

2U - David Guetta feat. Justin Bieber

2U - Tradução em Português

2U - La traducción en español

2U – DAVID GUETTA FEAT. JUSTIN BIEBER

2U – TRADUÇÃO EM PORTUGUÊS

2U – LA TRADUCCIÓN EN ESPAÑOL

Do I Make You Wanna - Billy Currington

DO I MAKE YOU WANNA – BILLY CURRINGTON

Despacito Remix - Luis Fonsi Feat. Justin Bieber, Daddy Yankee

DESPACITO REMIX – LUIS FONSI FEAT. JUSTIN BIEBER, DADDY YANKEE

Despacito

O Diário de Anne Frank

O Diário de Anne Frank em PDF - Download


Sanderlei Silveira

DESPACITO REMIX – TRADUÇÃO EM PORTUGUÊS

Rio de Janeiro - Conheça seu Estado (História e Geografia)

Amor é fogo que arde sem se ver

Os Escravos - Castro Alves

Letras Música - Sanderlei Silveira

Migos - Song Lyrics

Sanderlei Silveira

Poesia

Poetry

Poemas

Letras Música - Tradução em Português


by Sanderlei Silveira -  http://sanderlei.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário